5 filmes que têm HIV/AIDS em suas narrativas

Dia 1 de dezembro é celebrado no mundo todo o Dia Internacional da Luta contra a AIDS.
A gente sabe que o melhor remédio é a prevenção e informação. Daí que, para não deixar a data passar em branco, separamos 5 filmes que tratam do assunto HIV/AIDS, que podem colaborar nesse processo de ampliação do conhecimento ou mesmo para se emocionar com as histórias narradas!
PS: Faltou filme? Sim, vários títulos. Em breve a gente volta com listas mais completas. Enquanto isso, aproveitem essas indicações!

1. Clube de Compras Dallas (Dallas Buyers Club) | 2013clube-de-compras-dallas-still
Ron Woodroof (Matthew McConaughey), um eletricista heterossexual de Dallas, foi diagnosticado com AIDS em 1986, durante uma das épocas mais obscuras da doença. Embora os médicos tenham lhe dado apenas alguns meses de vida, Woodroof se recusou a aceitar o prognóstico e, procurando tratamentos alternativos, ele passa a contrabandear drogas ilegais do México. Trailer do filme
Veja também: A história por trás do filme Clube de Compras Dallas

2. A Cura (The Cure) | 1995syjyptdtejynnlrumjhxnvfcozc
Erick é um menino solitário que faz amizade com seu vizinho, Dexter, um garoto de 11 anos diagnosticado com AIDS. Quando os dois leem um artigo sobre um médico de Nova Orleans que diz ter descoberto a cura para a doença, os dois embarcam juntos em uma aventura atrás do médico. Veja o filme.

3. The Normal Heart | 2014the-normal-heart-2
1981. Uma doença misteriosa se alastra pelos Estados Unidos, com alto grau de mortalidade: cerca de 50% dos infectados acabam falecendo. Como a imensa maioria é homossexual, ela logo é apelidada de “câncer gay” e, por preconceito, não recebe a devida atenção do governo norte-americano. Decidido a fazer com que as pessoas tomem conhecido sobre a epidemia causada pela AIDS, o escritor Ned Weeks (Mark Ruffalo) decide ir aos diversos veículos de comunicação para falar sobre o tema. Entretanto, a raiva contida em suas declarações assustam até mesmo seus colegas na organização não-governamental que presta auxílio aos infectados. Ao seu lado, Ned conta apenas com o apoio da médica Emma Brokner (Julia Roberts), que também está alarmada com a gravidade da situação.
Trailer | O que você talvez não saiba!

4. Um Lugar para Annie (A Place for Annie) | 1994um-lugar-para-annie-1417355643086_956x500
1986. Um bebê com 3 meses, Annie Morston (Leslie Anderson), entra num hospital diagnosticada como HIV positivo. Ela foi abandonada pela mãe, um viciada. Ninguém queria adotar uma criança que morreria de AIDS, assim seria mandada para Tremont, um hospital para os indesejáveis, que ficavam lá esperando o momento de morrer. Susan Lansing (Sissy Spacek), uma enfermeira do hospital onde Annie estava internada, não se conforma com esta situação e resolve cuidar do bebê, sabendo dos riscos desta situação. Susan contrata Dorothy Gilmore (Joan Plowright) para ajudá-la a cuidar de Annie. Após um certo tempo a mãe de Annie, Linda (Mary-Louise Parker), reaparece subitamente pedindo sua filha de volta. Isto deixa Susan desesperada, pois legalmente falando ela, que cuidou do bebê, não tem direito nenhum e a mãe, que o abandonou, tem todos os direitos.

5. A Difícil Escolha (A Mother’s Prayer) | 199553ibpwgc06l3lmmp4wlrn1s7ve4
Rosemary Holmstrom (Linda Hamilton) é uma viúva que tem um filho de 8 anos, T.J. (Noah Fleiss), e descobre que está com AIDS. Inicialmente se recusa a crer, mas logo sua atenção se volta para o problema do que acontecerá com T.J. quando morrer. Ela então encontra forças para decidir em qual família ele será criado, pois o governo não tem nenhum plano traçado para este tipo de situação.

Quer sugerir algum filme muito legal que ficou de fora dessa lista?
Deixe sua sugestão em nossas redes sociais!